Leitores em série | Embuste

Significado de Embuste: substantivo masculino. Mentira que, estando repleta de astúcia, é usada com o intuito de enganar ou prejudicar uma outra pessoa; logro ou engodo.

, por Laura Vidaurreta

Leitores em série | Embuste

Significado de Embuste: substantivo masculino. Mentira que, estando repleta de astúcia, é usada com o intuito de enganar ou prejudicar uma outra pessoa; logro ou engodo.

, por Laura Vidaurreta

Oi, meninas, tudo bom? Na coluna de hoje Tia Laura vai mostrar um tutorial sobre como identificar aquele cara que tenta se passar por Homão da Porra, mas que na verdade, não passa de um Boy Lixo, o famoso Embuste!

Ou seja, é aquele cara lindo, fofo, que se apresenta como o homem ideal, mas que no final das contas, não passa de um canalha. Sabe o famoso lobo na pele de cordeiro? Pois é, o embuste vem em muitas formas, e discursos. E o mundo das séries, então… ah, esse tá cheio de embustes.

E eu já vou começar com uma polêmica: personagens como Charlie Harper e Barney Stinson NÃO são considerados embustes! Mas calma, antes de virem atrás de mim com tochas em chamas e me queimem na fogueira, deixa eu explicar. Tanto Charlie, quanto Barney são apresentados como personagens mulherengos, mentirosos e sem escrúpulos. Não há surpresa. Você não espera nada deles a não ser esquemas bem baixos para conseguir uma mais conquista de uma noite.

O caso do Barney teve um plot twist, digamos assim. No meio de sua conquista, Barney se apaixonou por Robin. Eles namorados, terminaram, voltaram, noivaram, casaram e… bem, vocês já sabem o que aconteceu (não há estoque de chá de camomila suficiente na minha despensa para falar sobre o final de How I Met Your Mother).

Então hoje nós vamos falar sobre os personagens que nos são apresentados como homens decentes, mas que acabam falhando miseravelmente.

Dean Foster – Gilmore Girls

Okay, precisamos começar admitindo que Rory tinha uma belo de um dedo podre para escolher seus namorados. Juntando todos eles, não dá um inteiro. Mas vamos começar do começo, onde toda essa jornada se iniciou, quando Rory conheceu Dean. A princípio, Dean era um rapaz humilde, honesto, romântico, mas que já começou o primeiro vacilo quando ele se declarou pra Rory e se ofendeu quando ela não respondeu sua declaração. Crise contornada, novos problemas começaram com a chegada de Jess. Dean ficou com ciúme da relação da menina, que dividia com o novo amigo, os mesmos interesses. Dean começou a se sentir inferiorizado, o que culminou no término definitivo dos dois.

Ah, mas isso não transforma o Dean num embuste, vocês dirão. E eu responderei, o pior ainda está por vir. Após terminar com Rory, Dean começou a namorar Lindsay e acabou se casando com ela. Mesmo casado, Dean ensaia uma reaproximação de Rory, enquanto sua esposa se esforça para manter seu casamento vivo. Mas não tem jeito, Dean acaba traindo a esposa com Rory e indo pra cama. E o que tá ruim, fica ainda pior, pois essa era a primeira vez da menina.

Sim, Rory tem sua parcela de culpa em tudo isso. Ela sabia que ele era casado e assim mesmo topou ir pra cama com o cara. Mas quem tem um compromisso com a esposa é Dean, quem rachou o casamento foi ele. Ou seja, o rapaz que começou como um bom moço, acabou se tornando um embuste!

Príncipe Philip – The Crown

Logo no início da série, em uma das primeiras cenas, Philip está passando por um processo para se tornar apto a se casar com a futura Rainha da Inglaterra. Sim, ele sempre soube que, mais cedo ou mais tarde, Elizabeth se tornaria rainha. Ao contrário do pai da princesa, o Rei George IV, que sim, foi coroado Rei no susto, quando o irmão, o Rei Edward, abdicou do trono em nome do amor (ele abandonou a coroa para se casar com uma mulher que, além de plebeia, era divorciada).

Philip e Elizabeth se casam e logo na primeira viagem, já começamos a ver a real personalidade do príncipe. No Quênia, Philip é desrespeitoso, fazendo comentários sarcásticos, sobre o “chapéu” do líder da tribo que recepciona o casal. Constrangida, Elizabeth o corrige, informando que aqui é uma coroa. Philip apenas sorri. Mas então o Rei George e tudo muda para o jovem casal. Os dois estavam viajando e precisaram voltar às pressas. Quando o avião pousou na Inglaterra, já tinha uma equipe pronta para passar todos os protocolos e procedimentos necessários para a jovem, que já desembarcou rainha.

Após a coroação que nomeou o casal, Rainha Elizabeth II e Príncipe Consorte Philip, Duque de Edimburgo, o comportamento de Philip não melhorou. Ele reclamou dos filhos não levarem seu sobrenome, se sentiu ofendido por ter que se curvar perante a esposa, a rainha, fez exigências infantis, apenas para se sentir “mais importante” e ainda fez birra sempre que lhe foi pedido para representar a família real em alguma viagem oficial.

Você pode estar pensando que Philip pode estar sendo interpretado de maneira errada, pintando uma imagem equivocada, mas não, a realidade é ainda pior. Philip é conhecido por cometer gafes racistas o tempo todo, como quando, ao visitar à China, disse a estudantes britânicos que, caso eles passassem mais tempo no país, ficariam com os olhos puxados.

Recentemente, Philip, hoje com 96 anos, se aposentou da vida pública. E nós, infelizmente, não podemos dizer que estamos tristes com a notícia. Embuste da realeza!

Ted Mosby – How I Met Your Mother

Aff, preciso até parar, respirar fundo, beber uma água e me preparar psicologicamente para falar sobre Ted Mosby. Em uma série em que, literalmente, conta a história sobre como um homem conheceu a mãe de seus filhos deveria ser sobre o cara mais romântico do mundo, atrás do amor de sua vida, certo? ERRADO!

Ted não é esse cara que querem que a gente acredite que ele é. Ele não tá em busca do amor verdadeiro. Ele está em busca da mulher que se encaixe em todos os pré-requisitos que ele já estabeleceu. Ele é machista, manipulador, carente, dramático, egoísta e com uma necessidade patológica de se sentir superior a tudo e a todos (sim, estou dizendo que além de tudo, ele é um péssimo amigo).

Jamais vou esquecer um dos melhores paralelos que traçaram entre Ted e Barney. Ted começou a namorar Becky, colega de trabalho de Robin, e quando a amiga o questionou, uma das justificativas dele foi dizer que Becky o fazia se sentir necessário, ao contrário de Robin, que sempre tomava a dianteira em qualquer situação. Ted se sente mais viril, mais importante matando uma aranha do tamanho de uma unha ou amarrando os sapatos da garota, apenas porque sua masculinidade frágil depende disso. Robin ficou se sentindo mal e foi atrás de uma segunda opinião: Barney. Quando ela o pergunta se durante o relacionamento deles, ela o fez se sentir necessário em algum momento, ele responde que não, nunca. Mas antes que a moça vá embora chateada, Barney ressalta que essa é uma das melhores qualidades da mulher. Ela é forte, independente e nunca se deixará ser manipulada. “Ninguém nunca perguntará para Robin Scherbatsky ‘quem é seu papai’. Você é o seu próprio papai!”

Daí, depois de uma declaração dessas, acontece aquela abominação que foi o último episódio. Mas enfim… (respirando fundo). Ted Mosby é um grande embuste e está na hora de espalharmos essa notícia. 

Aidan Shaw – Sex And The City

Vamos lá, por mais charmoso que Mr. Big fosse, todo mundo sabia que ele era um canalha. Ele enrolou Carrie por temporadas, disse que tinha problemas com compromissos e depois se casou com outra mulher. Chegou um momento em que não aguentávamos mais essa história dos dois. Daí apareceu Aidan e todas nós respiramos aliviadas, pensando “Agora vai!” Aidan era o oposto de Mr. Big. Romântico, carinhoso, compreendia a relação de co-dependência de Carrie e suas amigas, e o mais importante: estava mais do que disposto a assumir um compromisso sério.

O problema? Aidan amava a Carrie que ele achava que ela tinha potencial para se tornar. E ele tentou, a todo custo, mudar Carrie à sua vontade, e quando isso não aconteceu, ele tentou fazê-la se sentir culpada por isso. Ele quis levar a relação para o próximo nível, propondo que os dois morassem juntos, e até se casassem. Na verdade, ele pressionou a moça para que os dois se casassem rapidamente, inclusive financiando o apartamento em que Carrie morava e iniciando uma obra no apartamento, para deixar com cara de “lar”, e quando o relacionamento não deu certo, o que ele fez? Exigiu que Carrie comprasse seu próprio apartamento de volta, pelo valor que ele investiu na propriedade. Felizmente, com a ajuda de Charlotte, Carrie conseguiu seu apartamento de volta e Aidan ganhou o título de embuste para os fãs da série. 

Ross Geller – Friends

Nós não podemos fazer uma coluna sobre embustes sem falar sobre o maior deles. Há boatos que embuste significa Ross em Aramaico (okay, eu posso, ou não, ter inventado isso). Mas vamos lá, quando conhecemos Ross, ele está de coração partido, pois seu casamento de anos acabou, já que sua esposa se revelou lésbica. Mas, no mesmo dia, Rachel aparece, fugida de seu próprio casamento e descobrimos que o rapaz nutria uma paixão pela melhor amiga de sua irmã há mais de 10 anos. Ou seja, no grupo disfuncional de Friends, Joey era o mulherengo, Chandler era o palhaço e Ross o romântico.

Foram quase duas temporadas para que os dois, finalmente ficassem juntos e os fãs vibrassem, comemorando a felicidade do casal. Mas o conto de fadas durou pouco e Ross logo mostra sua verdadeira face. Além de ser ciumento, possessivo, neurótico, Ross ainda faz questão de diminuir a namorada, desvalorizando e ridicularizando seu trabalho, um trabalho que ela sempre disse que era seu sonho. Ele salienta que a única chance de Rachel conseguir um novo emprego, era o interesse de Mark nela. Quando ela diz que vai a uma palestra com Mark, ele a convence a levá-lo no lugar, com a desculpa de passar mais tempo com ela, mas seu comportamento durante a palestra é lamentável. E além de não se desculpar, ele ainda debocha do trabalho da namorada.

Quando a situação chega ao limite e Rachel pede um tempo, o que Ross faz? ELE TRANSA COM OUTRA MULHER NA MESMA NOITE!!! Não adianta vocês me dizerem que eles estavam dando um tempo, ele transou com a mulher na mesma noite. Então, todas comigo: E-M-B-U-S-T-E!!!

E eu não vou nem falar sobre aquele episódio em que ele faz um escândalo porque seu filho de dois anos está interessado em uma Barbie. Nem precisamos tocar nesse assunto, né?

Bem, e pra vocês, o que classifica o cara como um embuste? Concorda com a nossa lista? Faltou alguém? Deixe seu comentário!